309. My Best Friend's Birthday

terça-feira, 5 de abril de 2011
Postado por Selton Dutra Zen

Poucas pessoas sabem que antes de seu primeiro longa, "Cães de Aluguel", Quentin Tarantino escreveu e dirigiu o curta metragem "My Best Friend's Birthday". Na verdade, este era para ser um longa metragem que segundo algumas pessoas, teria 69 minutos de duração, mas o próprio Tarantino se envergonhou do projeto e o abandonou, deixando-o incompleto, com apenas 36 minutos. O filme que ele nunca terminou. Aliás, ele tem vergonha do filme e se recusa a tratá-lo como seu. As cópias foram retiradas de mercado, mas o curta pode ser assistido pela internet. Ok, mas o filme é bom? Não, é muito ruim! Depois de assisti-lo entendemos porque Tarantino se recusa a adotar como seu. Mas esse seu deslize aqui é altamente perdoável, uma vez que o estilo, os trejeitos e as marcas registradas de Quentin ainda não estavam lapidadas, estavam brutas, claramente amadoras. Algumas cenas são tão ruins que nos transmitem vergonha alheia! Tarantino (para poupar gastos) atua como personagem principal, ainda com seu talento escondido em algum lugar que só em "Cães de Aluguel" iria se manifestar. O roteiro é mal desenvolvido, o filme é mal editado e os atores são péssimos, porém "My Best Friend's Birthday" possui diálogos que são mais uma prova do talento escondido de Tarantino. Talento que mais tarde, já lapidado, resultaria em cenas de quase 10 minutos de diálogos nerd, sobre cinema, música e até lanches de fast food! Neste curta-metragem vemos personagens conversando sobre Marlon Brando, Elvis Presley, Brian de Palma, "Vestida para Matar", "A Condessa de Hong Kong", além de referências a Charles Bronson e "Psicose". Tarantino interpreta um homem que contrata uma prostituta para satisfazer seu melhor amigo no dia do aniversário dele. A partir daí, tudo da errado e eles acabam se envolvendo com pessoas e situações inimagináveis. Quem é fã de Quentin Tarantino (como eu) pode até conseguir assistir, encarando como uma raridade, mas uma coisa é fato: este filme é muito ruim!




(Muito ruim)

Gênero: Ação
Duração: 36 min.
Ano: 1987

2 comentários:

diego disse...

Como fã ávido do Tarantino eu tinha o conhecimento da existencia, mas nunca assisti, e mesmo sendo fã, depois do seu texto, talvez eu não perca tempo com ele!!!
Muito bom o blog, estou seguindo!!!

http://cinemaatemporal.blogspot.com/
abraços.!

Selton Dutra Zen disse...

Também adorei seu blog!